Você sabe o que é Logoterapia? A especialista Fernanda Moreno explica sobre a “Psicoterapia do Sentido da Vida”

Categorias

Compartilhar

“Que o calor dure sempre mesmo que a luz vá se apagando aos poucos. ” Viktor Frankl

O que é Logoterapia? Psicoterapia centrada no Sentido, também conhecida como “Psicoterapia do Sentido da Vida” ou Terceira Escola Vienense de Psicoterapia. Fundada por Viktor Emil Frankl (1905-1997) neurologista e psiquiatra austríaco.

Durante a Segunda Guerra Mundial Viktor é levado aos campos de extermínio nazista junto com seus pais, irmão e esposa Tilly. Em diferentes campos  perde sua família. Todo sentido inicial se perde mas surge outro: sobreviver e reescrever seu manuscrito perdido ao chegar no campo de concentração.

Frankl foi prisioneiro por três anos e passou por quatro campos de concentração, entre eles Auschwitz. Como prisioneiro vivenciou atrocidades, mortes, violência e fome e aplicou as estratégias da logoterapia para sobreviver e ajudar seus colegas prisioneiros a “não entregar os pontos”.

Ao ser libertado escreveu a obra-prima mundialmente conhecida “Em busca de um sentido” descrevendo seu relato pessoal em uma situação-limite e como utilizou suas capacidades de autotranscedência, humor, autodistanciamento e esperança para manter sua liberdade interior e encontrar o sentido da sua vida em situações cheias de sofrimento e desumanização.

O sentido da vida constitui um dos temas principais da sua obra. É importante destacar que a Logoterapia não nasceu nos campos de concentração. Viktor Frankl desde muito jovem refletia sobre o sentido da vida, de uma existência humana que tem como característica dar resposta, responder, “dizer sim à vida apesar de tudo”.

A logoterapia e a esperança andam juntas. Pois pela força do sentido eu nutro a esperança no futuro e nas realizações através dos valores de criação, experiência e atitude. O que é esperança? Gosto de começar pela etimologia das palavras, a raiz da palavra ESPERANÇA é “spe” que significa expandir, aumentar, ter êxito, levar qualquer projeto adiante seja ele de ordem física ou psíquica. “Spe” no latim significa “spes” e daí a nossa esperança. Da mesma etimologia temos pro-spere que significa prosperar, evoluir conforme o esperado, tornar-se próspero. Ou seja, prosperidade é trabalhar a favor da esperança, prosperidade nada tem de relação com saldo bancário.

Snyder grande pesquisador da Esperança, da Universidade de Kansas define a esperança como um pensamento direcionado a objetivos, no qual a pessoa usa pensamentos baseados em caminhos para encontrar rotas que conduzam ao objetivo desejado. Esse pensamento segundo Snyder é chamado de “pensamento de rumo”, as rotas, objetivos, possibilidades, estratégias que é fundamental, mas sozinho não se sustenta. Para o pesquisador para complementar esse pensamento é necessário o pensamento de agência (nossas motivações) o porquê das coisas que almejamos.

A esperança é uma força poderosa, fecunda, vital para a condição de ser humano. Pelo poder da esperança ajustamos nossas “lentes” para olhar além do que é determinado e dessa maneira, de forma consciente fazer escolhas com singularidade. Para Viktor Frankl ser responsável é ser seletivo.

Ter esperança não é ser passivo, falar “positivo”, não ficar com medo ou triste e ficar repetindo palavras como: “vai dá tudo certo! ”. A esperança nos leva a acreditar em um futuro positivo, confiante, mas não de forma vazia e passiva. A esperança não combina com inércia. E ter esperança não é só esperar. Cabe na esperança esperar assim como também cabe agir de forma resiliente, entusiasta, perseverante, amorosa e com perspectiva. Ou seja, a esperança é uma virtude que anda muito bem acompanhada de outras virtudes. Segundo Viktor Frankl, sentido sem ação é mera reflexão vazia. Ou seja, uma vida com sentido e esperança é uma vida para além de mim.

Diferente do que se acredita a esperança não é anseio e expectativa, a esperança nos coloca em relação com algo muito maior, pessoal, nos transcende, nos conecta com o sagrado que habita em nós e no outro.  Pela esperança somos impulsionados a encontrar a energia necessária para realizar o que esperamos de forma confiante. Portanto, esperança, confiança e ação uma tríade potente de configurações emocionais positivas, dando espaço ao que temos no nosso repertório de vida, das experiências, superações e vitórias que vivenciamos. A vida não é perfeita, glamorosa e cheia de acertos e vitórias… há derrotas, medos, perdas, luto, tristeza por mais que tudo isso “não seja bem visto” na sociedade, mas não podemos esquecer somos humanos e na nossa condição humana complexa cabe tudo isso, inclusive esperança em meio às adversidades.

Desejo que a esperança vire uma “tendência” eterna que encontre abrigo dentro do nosso interior e seja nutrida por gratidão e perseverança. Que sejamos prósperos em 2021. Que possamos trabalhar a favor da esperança, para um mundo dentro e fora de nós que acredite que tudo começa por uma atitude livre, pessoal e responsável.

E não se esqueça, a Esperança é lúcida!!

Fernanda Moreno, especialista em Logoterapia, Análise Existencial e em Gestão de Pessoas, foi a convidada do Programa Fortaleza 6.0 no sábado, 19 de dezembro. Confira a entrevista completa: