Lei do Idoso – Fortaleza – Cidade Amiga do Idoso foi o tema da apresentação do Coronel Sérgio Gomes – da Coordenadoria de Idosos da Prefeitura de Fortaleza, no Seminário Sobre Incentivos Fiscais, promovido pela a Lumiar Produção de Eventos, nos dias 22 e 23 de maio, em Fortaleza, uma oportunidade do público presente conhecer as leis de incentivos federais e estaduais; as possibilidades de financiamento de projetos, por meio dessas leis e as formas de utilização dos benefícios fiscais, além de cases de sucesso.

Paulo Mota, assessor de Comunicação da Cegás, conta no Programa Fortaleza 6.0, desse sábado, dia 1, "Como a Lei do Idoso fomenta a responsabilidade social na Cegás e por que a empresa apoia o Projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso".

É na Rádio Tempo, 103,9, das 10h às 11h.

Honorato Feitosa, presidente do Nuproce, fala no Programa Fortaleza 6.0, desse sábado, dia 18, sobre "Leis de Incentivo, como o Fundo Municipal do Idoso, que viabiliza o Projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso".

É na Rádio Tempo, 103,9, das 10h às 11h. Contamos com a sua audiência!!!

O Projeto Hortas Sociais apresenta seu calendário de colheitas e atividades para o mês de maio dando continuidade à produção e doação de hortaliças, tomate cereja, couve manteiga, coentro, pimenta de cheiro e pimentão etc às famílias carentes inscritas no projeto. Lembrando que o portão abre as 6hs para entrega de senhas e a colheita começa às 6:30min.

 

 

 


COLHEITAS DO MÊS MAIO

- Horta da Granja Portugal
Dia 09 de Maio

- Horta do Conjunto Ceará
Dia 10 de Maio

- Horta do Conjunto Ceará
Dia 23 de Maio

- Horta da Granja Portugal
Dia 31 de Maio


Saiba mais sobre o projeto:

Projeto Hortas Sociais tem como objetivo promover a garantia da segurança alimentar, incentivo à agricultura familiar urbana e estímulo ao convívio social de famílias de idosos em situação de vulnerabilidade social, por meio da produção de tomates cereja e hortaliças. Os ciclos compreendem uma colheita por semana. Toda a produção é doada às famílias carentes inscritas no projeto Hortas Sociais. O projeto provê os insumos, os equipamentos e a mão-de-obra qualificada para as hortas. Os idosos cadastrados participam do plantio e das colheitas com possibilidade de convívio social.


Dia 5 é considerado o Dia Nacional sobre o Uso Racional de Medicamentos. Sabendo que as reações adversas a medicamentos (RAM) ocorrem, pelo menos, duas vezes mais na população idosa do que na jovem, sendo motivo para internação de 25% dos indivíduos com mais de 80 anos, o Programa Fortaleza 6.0, do sábado, dia 4 de maio, recebe a professora, Mirian Parente Monteiro, Coordenadora do Programa de Extensão, Gpuim, Grupo de Prevenção ao Uso Indevido de Medicamentos da Universidade Federal do Ceará (UFC), para falar sobre "o uso racional de medicamentos por idosos" é na Rádio Tempo, 103,9, Das 10h às 11h.

O Programa Fortaleza 6.0 tem transmissão ao vivo, todos os sábados, das 10 às 11 horas. A programação promove ações do projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso; entrevistas com profissionais que trabalham em prol do envelhecimento saudável e conversas com idosos que são exemplos por saberem conduzir as suas vidas após certa idade com tanta vitalidade, autonomia, disposição e alegria de viver.

 

CONTAMOS COM SUA AUDIÊNCIA!

 

Cel. Sérgio Gomes, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Fortaleza, esteve reunido na última segunda-feira (01.04.2019) com o Deputado Federal Júnior Mano e o Secretário Executivo da Regional III - Arquimedes Pinheiro, para definir encaminhamentos que resultarão numa expressiva ampliação do Projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso.

Dentre as ações definidas nesse encontro estão:a destinação dos recursos necessários para a ampliação do projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso ( Hortas Sociais, esporte amigo do idoso e outras ações), para a população idosa da REGIONAL III; a ampliação do projeto Hortas Sociais para o interior do Estado, com a instalação de estufas em 10 cidades polo e a construção da FAZENDINHA SOCIAL URBANA, etapa de modernização e ampliação do projeto Hortas Sociais, no Conjunto Ceará.

Importante ressaltar que nessa reunião também ficou acertado que os recursos para a ampliação do Projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso serão oriundos das EMENDAS DE BANCADA.

Saiba mais: Hortas Sociais

Hortas Sociais é um projeto com objetivo de promover a garantia de segurança alimentar, incentivo à agricultura familiar urbana e estímulo ao convívio social de famílias de idosos em situação de vulnerabilidade social, por meio da produção de tomates cereja e hortaliças. Os ciclos compreendem três meses de produção. Toda a produção é doada às famílias carentes inscritas na iniciativa. O projeto provê os insumos, os equipamentos e o a mão-de-obra qualificada para as hortas.

Mais Informações sobre o projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso

Site: http://www.fortalezaamigadoidoso.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/Fortalezaamigadoidoso

Instagram: @fortalezaamigadoidoso

Twitter: @fortalezaidoso

 

 

O projeto HORTAS SOCIAIS, da Coordenadoria de Idosos da Prefeitura Municipal, em parceria com o Núcleo de Produções Culturais e Esportivas (NUPROCE), foi apresentado, na última quarta, (03/04/2019) à Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em Brasília.

Na ocasião, o cel. Sérgio Gomes, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Fortaleza expôs o modelo de AGRICULTURA SOCIAL URBANA (Hortas Sociais) desenvolvido em Fortaleza. O encontro resultou na inclusão do projeto HORTAS SOCIAIS  no SINCONV, para apoio do Ministério; acompanhamento do projeto pelo Ministério da Agricultura; e uma possível visita da Ministra ao projeto Hortas Sociais.

A audiência com a Ministra da Agricultura foi intermediada pelo Deputado Federal Júnior Mano, PR/CE,  que vem trabalhando pela ampliação do Projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso.

 

Saiba mais: Hortas Sociais

 

Hortas Sociais é um projeto com objetivo de promover a garantia de segurança alimentar, incentivo à agricultura familiar urbana e estímulo ao convívio social de famílias de idosos em situação de vulnerabilidade social, por meio da produção de tomates cereja e hortaliças. Os ciclos compreendem três meses de produção. Toda a produção é doada às famílias carentes inscritas na iniciativa. O projeto provê os insumos, os equipamentos e o a mão-de-obra qualificada para as hortas.

 

Mais Informações sobre o projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso

Site: http://www.fortalezaamigadoidoso.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/Fortalezaamigadoidoso

Instagram: @fortalezaamigadoidoso

Twitter: @fortalezaidoso

 

 

 

O projeto HORTAS SOCIAIS, da Coordenadoria de Idosos da Prefeitura Municipal, em parceria com o Núcleo de Produções Culturais e Esportivas (NUPROCE), inaugura, durante colheita no Conjunto Ceará, dia (27/03), a estufa de suculentas e lança cartão social com nova tecnologia de acesso e atendimento aos idosos cadastrados no projeto.

O evento contou com a presença do secretário de Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do Município, Elpídio Nogueira e de representantes da rede de lojas Leroy Merlin, apoiadora do projeto: Vanci Almeida (Leroy Merlin Fortaleza); Lívia Neves (Leroy Merlin São Paulo); Yves Bogaert  (Leroy Merlin Rússia) e Isabela Moncorvo, da empresa Yabá Consultoria em Gestão Sustentável e Investimento Social com sede em São Paulo.

Estufa de Suculentas

A estufa de plantas ornamentais (cactos e suculentas) fica localizada no bairro Conjunto Ceará, numa área de 128m²; capacidade estimada de armazenamento e produção de 3508 mudas e multiplicação mensal de 3000 plantas. Mantém um banco de germoplasma composto por 312 unidades oriundas de 61 espécies sendo usadas para a obtenção de novos propágulos (filhotes) e utiliza o sistema de irrigação por nebulização que permite economia de água.

Como parte do Projeto Fortaleza Amiga do Idoso, o Eixo Suculentas beneficiará mais de 2000 idosos da comunidade através da venda dos produtos cujo lucro será revertido para a manutenção das Hortas Sociais.  A comercialização das plantas ornamentais se dará em empresas associadas. Serão recebidos estagiários para treinamento no cultivo, propagação e salvamento de plantas suculentas. Periodicamente serão ministrados minicursos de cultivo de cactos; e cultivo de suculentas e oficina de montagem de terrários.

O Eixo Suculentas objetiva promover a melhoria da qualidade de vida da pessoa idosa no município de Fortaleza, tendo como foco a inclusão social da pessoa idosa através de ações do cultivo de plantas ornamentais e incentivo ao empreendedorismo, além da integração social e reinserção econômica, a intergeracionalidade e a prática da convivência em grupo.

Cartão Social

Semelhante aos cartões de crédito, os cartões de acesso por proximidade, que começam a ser utilizados nas colheitas do projeto Hortas Sociais, têm um chip interno onde ficam armazenadas informações pessoais do idoso como o nome completo, um número de identificação e data de nascimento, e garantirão agilidade, controle e segurança no atendimento dos idosos durante a distribuição das hortaliças. “A partir de agora, o atendimento será muito mais rápido. Com essa tecnologia de acesso e controle vamos melhorar o cadastramento dos idosos, oferecer maior comodidade e diminuir o tempo de espera durante as colheitas”, comemora Cel Sérgio Gomes, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa –CMDPI.

 

Mais Informações sobre o projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso

Site: http://www.fortalezaamigadoidoso.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/Fortalezaamigadoidoso

Instagram: @fortalezaamigadoidoso

 

O projeto HORTAS SOCIAIS, da Coordenadoria de Idosos da Prefeitura Municipal, entregou nessa sexta-feira (08/03) cartões chipados dando início a nova tecnologia de acesso e atendimento aos idosos cadastrados, para o recebimento de hortaliças produzidas no projeto Hortas Sociais.

Semelhantes aos cartões de crédito, os cartões chipados, também conhecidos por cartão por proximidade, que passam a ser utilizados nas colheitas do projeto Hortas Sociais, têm um chip interno onde ficam armazenadas informações pessoais do idoso como o nome completo, um número de identificação e data de nascimento, e garantem agilidade, controle e segurança no atendimento dos idosos durante a distribuição das hortaliças.

"A partir de agora, o atendimento será muito mais rápido para o conforto dos nossos idosos e também objetiva melhorar o cadastramento dos idosos, oferecer maior comodidade e diminuir o tempo de espera durante as colheitas," explica Cel. Sérgio Gomes, gestor da Coordenadoria do Idoso.

O Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa bateu recorde de captação de recursos em 2018. Com um aumento de 72,30% na captação de recursos em relação a 2017, o Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa salta dos R$ 5.437.662,91 (2017) para R$ 9.369.078,26 (2018). O recurso será destinado às entidades Sem Fins Lucrativos captadoras, que tiverem os seus projetos aprovados junto ao Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa. 

Contribua com esta causa, pois de qualquer forma o imposto devido sairá de seu bolso ou do caixa de sua empresa, e com esta destinação você assegurará muitas ações sociais praticadas em favor das Pessoas Idosas de Fortaleza. Os telefones disponíveis para maiores informações são (85) 3452 -2344 ou 3212 3960.

SAIBA MAIS - CONHEÇA O FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA PESSOA IDOSA DE FORTALEZA 

O FMDPI tem por objetivo financiar os programas e ações relacionados à pessoa idosa, garantir receita para melhor atender os direitos da pessoa idosa, em conformidade com a legislação vigente.

Quem pode destinar parte do Imposto de Renda devido ao Fundo Municipal da Pessoa Idosa de Fortaleza - FMDPI? Há um percentual limite? Resp: 1) Pessoa Física que possuir Imposto de Renda Devido, apurado na declaração de renda anual - MODELO COMPLETO, poderá efetuar a destinação ao FMDPI de até 6% (seis por cento) do Imposto de Renda Devido, conforme estabelece o art. 2º da Lei Federal n° 12.213 de 20/01/2010. 2) Pessoa Jurídica que apura o imposto com base no LUCRO REAL, poderá destinar ao FMDPI até 1% (um por cento) do Imposto de Renda Devido, conforme estabelece o artigo 3º e parágrafo único da Lei 12.213 de 20/01/2010 e nova redação dada pelo art.88 da Lei 12.594/2012.

Há uma data limite para que sejam efetuadas as destinações descritas acima, ao Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Fortaleza - FMDPI?

Resp: Sim. Esta data limite é o último dia útil bancário de cada ano. Dados do FMDPI – Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Fortaleza CNPJ: 20.032.375/0001-40 Banco: Banco do Brasil Conta Corrente: 26.670-1 Agência: 0008-6

contact

Contato


Gostaria de mais informações sobre o projeto Fortaleza Cidade Amiga do Idoso? Vá em frente, entre em contato e tire todas as suas dúvidas.

Nome*

Please type your full name.
E-mail*

Invalid email address.
Assunto*

Please type your full name.
Mensagem*

Entrada Inválida



Email
contato@fortalezaamigadoidoso.com.br
Telefone
+55 (085) 3013-5797
Endereço
Rua B, 17 - Eng Luciano Cavalcante | Fortaleza-CE | CEP: 60.810-670